Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2019
Todo o que nega o Filho de igual forma não tem o Pai; quem confessa publicamente o Filho tem também o Pai. … (1 João 2:23,28)
Conheço as tuas obras. Eis que tenho colocado diante de ti uma porta aberta que ninguém consegue fechar; tens pouca força, mas obedeceste à minha Palavra e não negaste o meu Nome. (Apocalipse 3:8)
Se perseverarmos, com Ele igualmente reinaremos; se o negarmos, Ele também nos negará; (2 Timóteo 2:12)
Digo-vos mais: todo aquele que me confessar diante das pessoas, também o Filho do homem o confessará diante dos anjos de Deus. No entanto, o que me negar diante dos homens será negado diante dos anjos de Deus. (Lucas 12: 8-9)
Se alguém se envergonhar de mim e das minhas palavras, o Filho do homem, igualmente, se envergonhará dele, quando voltar em sua glória e sob as honrarias do Pai e dos santos anjos. (Lucas 9: 26)

Consagração ao Coração Castíssimo de São José

Coração Castíssimo de São José, protegei e defendei a minha família contra todo mal e perigo. Coração Castíssimo de São José derramai sobre a humanidade inteira as graças e as virtudes do vosso Coração Castíssimo. São José, eu me entrego realmente a Vós. Consagro-vos a minha alma e o meu corpo, o meu coração e toda a minha vida. São José, defendei a devoção ao Sagrado Coração de Jesus e ao Coração Imaculado de Maria. Com as graças do vosso Coração Castíssimo destruí os planos de satanás. Abençoai toda a Santa Igreja, o Papa, os Bispos e os sacerdotes de todo o mundo. Nós nos entregamos a Vós com amor e com confiança agora e para sempre. Amém! Ao vosso Coração Castíssimo nos consagramos, neste dia, ó Glorioso São José. Consagramos nossas famílias e tudo o que temos. Assim como vós protegestes Jesus e Maria, protegei também ó meu Amado Protetor a minha alma e a minha vida contra os perigos que me cercam e atentam contra mim. Ó Glorioso São José, ensinai-me a amar profun
NÃO SE PREOCUPE COM OS JUDAS. ELES MESMOS SE DESTROEM A SI MESMOS, EM SEUS ERROS E PECADOS, COMO FEZ O PRIMEIRO.

Mensagem da Rainha do Rosário e da Paz em 30.03.2019

A paz meus filhos amados, a paz! Meus filhos, eu sua Mãe, venho do céu para lhes dar paz e amor, benção e graça. Sejam de Deus, seguindo o seu caminho santo na obediência dos seus Santos Mandamentos. Não se aflijam e não fiquem tristes. Sua Mãe está aqui para lhes dar o seu consolo e colo maternal. Eu conheço as suas provas, dores e sofrimentos e bem sei que os seus corações estão abatidos pela tristeza, por causa das injustiças porque passam e vivem. Meus filhos, Deus é Justo e ele tudo sabe e tudo vê. Nada passa despercebido diante dos seus Olhos Santos. Tenham confiança. Deus não os desamparará. Ele é Justo e Fiel e sabe agir no momento certo. Eu estou aqui para guiá-los em tudo. Rezem o Rosário e os seus corações serão preenchidos pela força e pela graça do Espírito Santo. A sua Luz os envolverá e saberão o que fazer, o que falar e como agir. Eu os cubro com o meu manto maternal e os abençoo: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! Mais uma vez a

Papa Francisco obriga a denunciar ante a justiça vaticana casos de abusos

Papa Francisco obriga a denunciar ante a justiça vaticana casos de abusos : O Vaticano divulgou nesta sexta-feira, 29 de março, o conteúdo da Carta Apostólica em forma de Motu Proprio sobre a proteção de menores e pessoas vulneráveis, junto com uma lei para o Estado do Vaticano e algumas diretrizes para sua aplicação. Aqui no Amazonas está precisando de uma limpeza geral! Já sabe, povo de Deus, não se deixe intimidar e oprimir: DENUNCIE os abusos de poder! A Igreja tem que ser Mãe e não madrasta, como muitos estão fazendo, para esconder erros!
Ó Jesus, é por vosso amor, pela conversão dos pecadores e em reparação pelos pecados cometidos contra o Imaculado Coração de Maria!

NÃO SEJA INGRATO!

No inferno deve existir um “lugar” especial para o ingrato... ser o “tapete” de Satanás. Se o ultraje viesse de um inimigo, eu o teria suportado; se a agressão partisse de quem me odeia, dele me esconderia. Mas eras tu, meu companheiro, meu íntimo amigo, com quem me entretinha em doces conversas; com quem, por entre a multidão, íamos à casa de Deus. (Salmos 54, 13-15) Existe um veneno chamado ingratidão. E quem nunca passou pela dor da ingratidão? Quem nunca experimentou o veneno da ingratidão? O coração do ingrato não tem memória, ele esquece muito rápido de toda ajuda recebida. Não é verdade? Quantas vezes somos surpreendidos, por pessoas e amigos que ajudamos, mas depois, infelizmente não valorizam a nossa amizade, muito menos lembram do BEM, que de coração fizemos a eles, não é mesmo? Mas Jesus também foi alvo da INGRATIDÃO. E não somente da INGRATIDÃO, mas do desprezo, da traição e do abandono por aqueles que Ele tanto ajudou. A seguir... Pensamentos escritos

VAMOS APRENDER!

Não desejarás a mulher do teu próximo, nem a sua casa, nem o seu campo, nem o seu boi, nem a sua serva, nem o seu jumento, nem coisa alguma que lhe pertença. (Dt 5:21) Quem se apropria daquilo que não é seu, de forma injusta e corrupta, comete um terrível crime e pecado e merece a Justiça de Deus. Vejamos o que nos ensina o Papa Leão XIII, em sua Carta Encíclia, Rerum Novarum , de 15 de maio de 1891: 3. Os Socialistas , para curar este mal, instigam nos pobres o ódio invejoso contra os que possuem , e pretendem que toda a propriedade de bens particulares deve ser suprimida, que os bens dum indivíduo qualquer devem ser comuns a todos, e que a sua administração deve voltar para - os Municípios ou para o Estado. Mediante esta transladação das propriedades e esta igual repartição das riquezas e das comodidades que elas proporcionam entre os cidadãos, lisonjeiam-se de aplicar um remédio eficaz aos males presentes. Mas semelhante teoria, longe de ser capaz de pôr termo

ORAÇÃO NA CASA DOS CONFIDENTES

Informamos que haverá a oração do Santo Terço na casa dos confidentes de Nossa Senhora: Sábado, dia 30 de março de 2019, às 16h; Endereço: rua Padre José de Anchieta, 301, Bairro Dom Pedro I Participe e venha rezar com a sua família pela paz e pela conversão dos pecadores!
Não tenham medo nem vergonha de falar dos meus apelos: falem, testemunhem e os milagres de Deus acontecerão na vida de muitos dos seus irmãos. (Nossa Senhora em 25.03.2010)

Todas as religiões são iguais?

No livro “O Sal da Terra”, o então cardeal Joseph Ratzinger falou sobre o posicionamento atual de se considerar todas as religiões como iguais. Ele foi categórico ao dizer que, com certeza, nem todas as religiões são iguais ou mesmo boas . Segundo ele, existem formas de religião de tal maneira corrompidas e insalubres que não são capazes de levar o homem a Deus; pelo contrário, servem tão-somente para aliená-lo. Estas más religiões ao longo de sua existência pregaram o terrorismo, o ódio,  algumas  até o sacrifício humano. É evidente que estas modalidades religiosas, mesmo em uma sociedade como a atual – em que a liberdade é cláusula pétrea -, elas não têm o direito de existir, pelo simples fato de que atentam contra a humanidade, causando um malefício à sociedade. Além disso, um outro fato histórico contribui sobremaneira para que não se possa considerar todas as religiões iguais:  Jesus Cristo . O cristianismo se diferencia das demais religiões, pois é a única que adora De

Não cometa abortos. Lute pela vida!

Saulo, Saulo, por que me persegues? E ele disse: Quem és, Senhor? E disse o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões. (Atos 9: 4,5)

Os sofrimentos de Cristo

Uma das razões pelas quais Jesus Cristo quis sofrer a dor no seu corpo e na sua alma, foi para nos demonstrar que era verdadeiro homem, com a nossa mesma natureza, que sentia como nós a tortura e os insultos, que não era “de bronze e de pedra” (Jó 6, 12). Quando sentimos a força das tentações, não devemos desanimar e pensar que perdemos a graça de Deus. Estes sentimentos não são pecados, mas manifestações da debilidade natural do homem. O Senhor quis sentir esta fraqueza, fazendo-se igual a nós – exceto no pecado – para que nós nos fizéssemos iguais a Ele, na fortaleza e na obediência à vontade de Deus... Como diz Santo Ambrósio: “Não devem ser considerados valentes, os que mais feridas recebem, mas os que mais sofrem por elas”. Quis o Senhor participar como nós das dores do corpo e também das tristezas da alma, porque quanto mais participasse dos nossos males, mais participantes nos fariam dos seus bens. “Tomou a minha tristeza – diz Santo Ambrósio – para me dar a sua aleg

FIAT VOLUNTAS TUA!

Já era quase madrugada! Os anciãos desejosos de condenar o Senhor, tudo indica, não estavam sonolentos. Foram avisados e foram chegando aos poucos ao palácio de Caifás. Sinédrio constituía o órgão supremo em matéria legislativa, religiosa e judicial dos judeus em tempos do Senhor. Era tão grande o ódio do Sinédrio contra Jesus, que procuraram até falso testemunho para condená-lO à morte, mas não encontraram nada contra o Senhor: “Entretanto estavam perante o Juiz com muitas acusações, mas como eram sem fundamento, se contradiziam entre si, chegando até a dizerem que Jesus tinha afirmado que podia destruir o Templo, obra tão gigantesca e reedificá-lo em três dias, dando assim um sentido errado a suas palavras, formado com três falsidades: 1ª. Não disse Jesus que ele podia destruir, mas sim, disse aos outros que destruíssem. 2ª. Lugar, não apontou para o templo material, mas para si mesmo, como muito bem tinham entendido. 3ª. Jesus não disse: Eu o reedificarei, mas o ressuscit

Jesus diante de Anás

Anás sentia desejo de conhecer a Nosso Senhor. Ele interrogou a Cristo sobre a Sua doutrina: “O Sumo Sacerdote interrogou Jesus sobre os seus discípulos e sobre a sua doutrina” (Jo 18, 19). Jesus Cristo, Deus Verdadeiro, lhe respondeu sem rodeio: “Falei abertamente ao mundo. Sempre ensinei na sinagoga e no Templo, onde se reúnem todos os judeus; nada falei às escondidas. Por que me interrogas? Pergunta aos que ouviram o que lhes falei; eles sabem o que eu disse” (Jo 18, 20-21). Cristo Jesus não disse nenhuma mentira nem foi grosseiro, Ele foi simplesmente sincero. Um guarda não gostando da maneira do Senhor responder a Anás, deu-Lhe uma bofetada: “A essas palavras, um dos guardas, que ali se achavam, deu uma bofetada em Jesus, dizendo: ‘Assim respondes ao Sumo Sacerdote?” (Jo 18, 22). Anás não era o pontífice, mas como o tinha sido, chamavam-no assim. Era a primeira vez que a mão de um homem batia nos rosto do Salvador: “…bofetada, que em todos os tempos, em tod

Negação de Pedro

Pedro, aquele Apóstolo que havia prometido seguir o Mestre até o fim, agora O acompanha de longe: “Pedro seguiu-o de longe até o pátio do Sumo Sacerdote e, penetrando no interior, sentou-se com os servidores para ver o fim” (Mt 26, 58). Está claro que a atitude de Pedro de seguir a Cristo de longe não é correta, sendo que depois ele O negou. Aquele que segue a Nosso Senhor de longe, tratando-O com indiferença e frieza, acaba por negá-lO: “É suficiente mudar um advérbio na peq uena frase do Evangelho para descobrir a origem das nossas deserções: quedas graves ou faltas ligeiras, relaxamentos passageiros ou longos períodos de tibieza: nós seguimo-lo de longe (…) A humanidade segue o Senhor com uma lentidão exasperante, porque há muitos cristãos que apenas o seguem de longe, de muito longe” (G. Chevrot, Simão Pedro). Católico, não tenha medo de seguir a Cristo Jesus, não adie a sua entrega ao Senhor do Universo, pelo contrário, escancare o coração para o Amor Eterno entrar: “S

JESUS PERANTE O SINÉDRIO

(Mt 26, 57 - 68) “57 Os que prenderam Jesus levaram-no ao Sumo Sacerdote Caifás, onde os escribas e os anciãos estavam reunidos. 58 Pedro seguiu-o de longe até o pátio do Sumo Sacerdote e, penetrando no interior, sentou-se com os servidores para ver o fim. 59 Ora, os chefes dos sacerdotes e todo o Sinédrio procuravam um falso testemunho contra Jesus, a fim de matá-lo, 60 mas nada encontraram, embora se apresentassem muitas testemunhas. Por fim, se apresentaram duas 61 que afirmara: ‘Este homem declarou: Posso destruir o Templo de Deus e edificá-lo depois de três dias’. 62 Levantando-se então o Sumo Sacerdote, disse-lhe: ‘Nada respondes? O que testemunham estes contra ti?’ 63 Jesus, porém, ficou calado. E o Sumo Sacerdote lhe disse: ‘Eu te conjuro pelo Deus Vivo que nos declares se tu és o Cristo, o Filho de Deus’. 64 Jesus respondeu: ‘Tu o disseste. Aliás, eu vos digo que, de ora em diante, vereis o Filho do Homem sentado à direita do Poderoso e vindo sobre as nuvens do